Google+


Blumenau registra mais de mil faltas na Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19
O número representa, em média, 20 faltas por dia.

Foto: Eraldo Schnaider

Mais de 32 mil pessoas já se vacinaram contra a Covid-19 em Blumenau. Somando as primeiras e segundas doses, a cidade soma mais de 45 mil vacinas aplicadas. Mas nem todos os agendamentos resultam em vacinação. A Secretaria de Promoção da Saúde (Semus) registrou 1.488 faltas de usuários que agendaram, mas não compareceram na data marcada para receber a vacina. Considerando os dias de vacinação o número representa, em média, 20 faltas por dia.

As doses da vacina não aplicadas em função das faltas são sempre remanejadas para outros agendamentos, mas é importante que o usuário que tenha dificuldades em comparecer faça o cancelamento do seu horário. O cancelamento deve ser solicitado no Alô Saúde, pelo telefone 156 (opção 2). Apesar de não haver remanejamento imediato da agenda, com ocupação de horário por outros usuários, a comunicação da falta evita desperdícios do imunizante e auxilia na agilidade para que a Prefeitura possa oferecer novas agendas de vacinação.  

Critérios para garantir a vacinação
Na data do agendamento é importante que o usuário observe alguns critérios como não apresentar febre acima de 37,5°C ou sintoma de infecção nas 24h anteriores ao agendamento da vacina. O paciente também não pode ter diagnóstico positivo para Covid-19 nos últimos 30 dias, nem ter recebido outras vacinas nos últimos 15 dias.

Em todas as etapas da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, conforme cronograma de vacinação, pacientes transplantados, com doenças reumáticas imunomediadas, gestantes, pacientes imunodeprimidos por doença oncológica ou HIV positivo, devem apresentar declaração médica autorizando a aplicação da vacina.

Atenção para o horário do agendamento
O Município orienta que as pessoas com agendamento cheguem à Central de Vacinação, localizada no Setor 1 do Parque Vila Germânica, no máximo 15 minutos antes do horário marcado. A medida visa organizar a logística do local e permite otimizar o atendimento dos usuários. Idosos que precisam de auxílio podem levar acompanhantes para facilitar o acesso ao local.

Pessoas acamadas e idosos com locomoção reduzida
Pessoas que estejam acamadas e não conseguem se locomover também podem solicitar a vacina de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pelo Alô Saúde no telefone 156 (opção 2). As informações necessárias são nome do paciente, telefone, CPF, data de nascimento, endereço completo e unidade de saúde de referência mais próxima de casa.

Já os idosos com maior dificuldade de locomoção, o acesso ao local de vacinação pode ser feito pela Rua Alberto Stein, convergindo à direita e buscando o acesso feito para a Rua Itapiranga, que foi sinalizado pela Seterb. A vacina é aplicada sem que o usuário precise desembarcar do veículo.


Assessor de Comunicação: João Vitor Korc



postada em 06/04/2021 11:11 - 1703 visualizações



Fotos
  • Foto: Eraldo Schnaider