Google+


Arquitetura

Rua XV de Novembro 
No período colonial era conhecida por “Wurtstrasse” (Rua da Lingüiça), por ser estreita e cheia de curvas. Em 1890, recebeu o nome atual e em 1902 teve seu traçado modificado para se tornar menos sinuosa. Em junho de 1999 os paralelepípedos implantados na década de 20 foram substituídos pelo atual “paver” - lajotas coloridas. O Conjunto Arquitetônico sinalizado, contempla possui 48 imóveis cadastrados como patrimônio histórico, dos quais, 10 foram escolhidos para terem suas fachadas rebatidas nas lajotas da via. 
Em 1903, serviu de passagem para o primeiro automóvel da cidade. 
Em 1923 a via começou a receber calçamento ganhando o título de primeira via calçada do interior de Santa Catarina, resistindo por quase 80 anos sem alteração. 
No dia 6 de junho de 1999 foi retirado o primeiro dos paralelepípedos colocados na década de 1920 e substituídos pelas lajotas coloridas que atualmente compõem a belíssima paisagem da principal rua de Blumenau. 
 

Prefeitura Municipal de Blumenau 
Em janeiro de 1980, tiveram início as obras de construção da nova Prefeitura, no local onde funcionava a sede da Estação Ferroviária. O prédio foi inaugurado em 02 de setembro de 1982 com 10.500m². Seu estilo enxaimel foi inspirado nas antigas casas do período colonial. É uma das maiores e mais modernas prefeituras do estado e um dos prédios mais fotografados. A atual sede do Executivo e Legislativo de Blumenau é um dos exemplos da mistura entre a tradição e o progresso do município. 

Endereço: Praça Victor Konder, 02 
Tel.: 3381.6000
 

Teatro Carlos Gomes 
No dia 10 de dezembro de 1935, a Sociedade Teatral Frohsinn lançou a pedra fundamental da construção do novo teatro em seu novo endereço, Rua XV de Novembro. 
O prédio foi projetado pelo Engenheiro/arquiteto Alemão Erwin Bruner. 
A primeira parte das obras do teatro foi concluída em 1939 (compreendendo a parte externa, salão de festas e restaurante). 
Em 1º de julho 1939 a Sociedade Teatral Frohsinn alterou definitivamente seu nome para Sociedade Dramático Musical Carlos Gomes. A homenagem ao nome do teatro se fez pelo histórico representativo da música de Carlos Gomes. 
Foi de grande relevância registrar um nome que destacou-se entre os demais pioneiros do teatro em Blumenau: Rose Gaertner. Seu papel como incentivadora é indiscutível e sua trajetória foi pautada por atitudes que a colocaram também como a primeira feminista da cidade. 
O teatro possui em suas dependências um dos quatro palcos giratórios existentes no Brasil, comportando 1.170 pessoas na platéia, oferecendo à comunidade a escola de balé, teatro, dança, música e orquestra de câmara, além de local para realização de festas e eventos. Foi todo reformado com o auxílio de leis de incentivo à cultura, projeto de reurbanização da praça, assinado pela paisagista Ana Holzer e patrocinado pelo empresário Wander Weege. 
As obras foram a reformulação dos passeios e canteiros e a colocação do mesmo revestimento colorido que cobre a rua XV de Novembro. 
A nova praça teve em sua instalação duas esculturas em bronze do artista Pedro Dantas Rodrigues, encomendadas por Weege. "Uma delas representa o maestro Carlos Gomes regendo, e a outra faz uma referência ao índio universal, representando 'O Guarani', da ópera brasileira mais famosa", explica o artista. As esculturas medem 4 metros de altura e pesam 200 quilos cada uma. 

Endereço: Rua XV de Novembro, 1181 - Centro 
Tel.: (47) 3144.7166 
www.teatrocarlosgomes.com.br
 

Antigo Castelinho da Moelmann 
Construído em 1978, foi o empresário blumenauense Udo Schadrack quem teve a idéia de edificar uma casa que chamasse a atenção de todos e lembrasse a origem da cidade. Para tanto, viajou à Alemanha e deparou com a mais velha prefeitura do país, construída em 1484, na cidade de Michelstadt. Retornando a Blumenau, o arquiteto Heinrich Herwing foi encarregado de concretizar o sonho do Sr. Schadrack. Por quase 21 anos o prédio foi utilizado pelas Lojas Moelmann que encerrou suas atividades no ano de 1999. De junho de 2002 a maio de 2007, a Secretaria Municipal de Turismo de Blumenau e o Conselho Municipal de Turismo, transferiram seus trabalhos para o prédio. Em 31 de maio, após completa revitalização que manteve suas características originais, foi reinaugurado para ser sede das lojas Havan. No local, além da loja de departamentos, o visitante pode saborear um delicioso chopp artesanal na choperia localizada no deck com vista para a Avenida Beira Rio e o rio Itajaí-Açu. 

Endereçol: Rua XV de Novembro, 1050 
 

1ª Agência dos Correios de Blumenau 
Em 1927, num prédio construído pelo industrial Curt Hering é festivamente instalada a Agência dos Correios e Telégrafos de Blumenau. Atualmente, está sendo utilizado como loja. 

Endereço: Alameda Rio Branco, 40 (em frente ao Grande Hotel) 
 

Antigo Cine Busch 
Blumenau foi uma das pioneiras no país na exibição cinematográfica, tendo sido realizadas sessões já no ano de 1900. O primeiro aparelho cinematográfico que foi estabelecido e passou a funcionar na cidade foi do Sr. Frederico Guilherme Busch, em meados 1907, no Salão Holetz, que se localizava neste local onde foi implantado, na década de 1940 este edifício no estilo Art Deco. O fim das atividades do Cine Busch, assim denominado em 1919, foi em 1993. Em 1997 o edifício passou fazer parte do Grande Hotel como centro de convenções. 

Endereço: Alameda Rio Branco (ao lado do Grande Hotel)
 

Fundação Cultural de Blumenau 
Construída em 1875 antiga sede da Colônia, foi projetada pelo arquiteto Henrique Krohberger e ampliado em 1918, totalmente remodelada em 1939. Se chamava outrora de Palácio da Justiça. 
O prédio em 20 de abril de 1940, data da inauguração oficialmente teve como funcionamento do Arquivo Municipal, Fórum, Delegacia Regional de Polícia e outras repartições municipais e estaduais. No ano de 1958, ocorreu um incêndio que destruiu parcialmente o prédio foi afetado. Comentou-se na época que o incêndio teria sido provocado criminosamente, pois neste local havia muitos processos jurídicos. O prédio abrigou a Prefeitura (até 1982), o Fórum com todas as repartições judiciais e policiais. 
No prédio hoje é sediada a Fundação Cultural de Blumenau que oferece diversas atividades culturais como, escola de artes, cursos, exposições, artesanato, oficinas, galeria de arte entre outras. Como parte da revitalização da rua XV de Novembro, o prédio passou por uma completa renovação, com recuperação dos traços arquitetônicos da primeira construção. Um local de promoção do talento artístico da cidade. 

Endereço: Rua XV de Novembro, 161 - Centro 
Tel.: (47) 3381.6192
Segunda a sexta-feira - das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30 | Fechados aos sábados, domingos e feriados. 
www.fcblu.com.br 
 

Antiga Maternidade Johannastift 
A comunidade evangélica inaugura no dia 30 de setembro de 1923, a Maternidade Johannastift, construída pelas senhoras evangélicas de Blumenau e administrada pela ordem das irmãs caricativas evangélicas. O nome escolhido faz parte de uma homenagem à principal doadora da instituição: Sra. Johanne Hering. O prédio teve sua arquitetura projetada de modo a não parecer com um hospital, guardando características de uma residência. Mais tarde, o prédio vinha a ser sede de um hotel e um dos mais conhecidos restaurantes da cidade, o Restaurante Cavalinho Branco. Foi reinaugurado em 2007, mantendo suas características arquitetônicas para servir de sede para a Casa do Comércio, administrada pelo CDL, onde além dos escritórios administrativos da instituição, conta com restaurante-escola e outros escritórios. 

Endereço: Alameda Rio Branco 
 

Vila Itoupava
Distrito situado a 25 km de Centro que ainda preserva os aspectos autênticos da colonização alemã, num verdadeiro resgate à memória de Blumenau Colônia. A maioria de seus moradores domina o idioma de origem e suas casas mantêm o estilo enxaimel, com floreiras, jardins e gramados bem cuidados, sem falar na simpatia dos moradores que fazem questão de cumprimentar a todos que passam. Localizada numa região de economia agrícola, o Agroturismo é o grande chamariz para atrair visitantes. Sua gastronomia é de dar água na boca: são bolos, cucas, doces, tortas, café colonial, frutas silvestres, melados, geléias, doces, bebidas feitas artesanalmente, além de restaurantes típicos que servem o marreco com repolho roxo, chucrute, etc. O distrito tem completa infra-estrutura para atender sua comunidade, com agência bancária, hospital, cartório e supermercados. 

Informações: sedivi@blumenau.sc.gov.br