Google+


Seterb realiza testes para melhorar fluxo de trânsito na Rua Itajaí e Centro Histórico
Medida foi motivada por conta do intenso trânsito de veículos que a região recebe durante a semana, especialmente nos horários de pico.

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Seterb) iniciou na tarde desta terça-feira, dia 3, uma série de testes na região da Rua Itajaí e do Centro Histórico da cidade. A medida foi motivada por conta do intenso trânsito de veículos que a região recebe durante a semana, especialmente nos horários de pico. 

Desta forma as operações de auxilio ao fluxo de trânsito foram antecipadas. Desde às 16h desta terça, cinco agentes da Guarda Municipal de Trânsito (GMT) da cidade atuam para agilizar o fluxo de veículos entre a Ponte dos Arcos e a Avenida Presidente Castelo Branco (Beira-Rio), passando pela Rua República Argentina. A medida, em caráter de teste, visa antecipar o fluxo de veículos pela região, amenizando assim o impacto no trânsito durante o horário de pico, às 18h.

Com o término das operações junto às unidades escolares, outros 15 agentes se juntam à operação, trabalhando para facilitar o trânsito em toda a região central da cidade. Assim, a GMT terá atuação nas seguintes regiões:

- Rua XV de Novembro com a Alameda Duque de Caxias
- Avenida Beira Rio com Rua Rodolfo Freygang
- Rua XV de Novembro com Avenida Beira Rio
- Rua XV de Novembro com Alameda Rio Branco
- Rua Itajaí com Ponte dos Arcos
- Rua São Paulo com Rua Indaial
- Rua Padre Landel de Moura com Avenida Beira Rio (Prefeitura)
- Avenida Martin Luther com Rua Carlos Rischbieter
- Rua República Argentina com Rua México
- Rua São Paulo com Rua Tocantis
- Avenida Beira Rio com Rua República Argentina (Ponte Adolfo Konder)
- Rua XV de Novembro com Rua José Ferreira da Silva
- Rua 7 de Setembro com Rua Namy Deeke
- Avenida Martin Luther com Rua Tocantis
- Rua República Argentina com Rua Uruguai
- Rua 7 de Setembro com Padre Jacobs

O secretário Municipal de Trânsito e Transportes, Eder Boron, informa que a secretaria já avalia a possibilidade de realizar vôos com drone durante esta semana, para avaliar os fluxos dessa área por meio de vídeos. “Estas filmagens vão nos ajudar a entender a formação dos gargalos e nos auxiliar na visualização dos principais problemas do trânsito na região”, avalia.

Assessor de Comunicação: Diorgnes Saldanha Lima



postada em 04/12/2019 08:35 - 401 visualizações