Google+


Serviço de atenção domiciliar beneficia mais de 100 pacientes todo mês
Atendimento é oferecido a pacientes com necessidade de assistência complementar em casa.



Desde 2011 a população de Blumenau tem à disposição o Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD), da Secretaria de Promoção da Saúde (Semus), que realiza atendimento de usuários do SUS que possuem a necessidade de atendimento complementar em casa. De 2015 até junho deste ano, mais de 5 mil pacientes foram beneficiados.

O SAD, que no Ministério da Saúde (MS) é o Programa Melhor em Casa, atende em Blumenau cerca de 100 pacientes por mês. São atendimentos domiciliares para o tratamento do paciente com objetivos como: estabilizar o paciente pós alta hospitalar; auxiliar a família neste cuidado repassando informações importantes; bem como a desospitalização, que é possibilitar ao paciente receber alta para terminar seu tratamento com antibióticos endovenosos em casa, quando o quadro de saúde estiver estável, liberando assim um leito no hospital.

No município, são três equipes multiprofissionais, além de uma equipe de apoio, que acompanham em caráter suplementar os pacientes com necessidade de atendimento em casa, segundo critérios do MS. Podem ficar temporariamente ou durante o tempo que for necessário para o tratamento, sempre em conjunto com ao atendimento realizado na unidade de ESF.

O serviço de atendimento domiciliar complementa o atendimento hospitalar ou ambulatorial. Entre as funções realizadas pelas equipes do SAD estão monitoramento frequente de sinais vitais; coleta de exames de laboratório; adaptação ao uso de traqueostomia; adaptação ao uso de órtese e prótese; adaptação ao uso de ostomias e sondas; administração de medicações injetáveis; uso de ventilação mecânica e de aspirador, dependência de oxigenoterapia, desde que estes estejam interligados e não separadamente.

Os profissionais também estão aptos a realizar a reabilitação de deficiência permanente ou transitória; antibioticoterapia injetável; curativos especiais de maior complexidade; necessidades de cuidados paliativos; atenção nutricional; reabilitação motora e respiratória; suporte psicológico ao paciente e ao familiar ou cuidador; reabilitação da comunicação e da deglutição.

Como participar
O encaminhamento de pacientes para o SAD é feito via Sistema de Regulação (Sisreg) pelas unidades de saúde, hospitais e outros serviços de saúde da cidade. Após esse encaminhamento, a equipe do SAD faz a avaliação no domicílio do paciente ou no hospital, caso o paciente esteja internado, para saber se ele se encaixa nos critérios de acesso ao serviço. A avaliação é feita baseada em escalas e critérios psíquicos, sociais e biológicos, conforme normativas do MS. Os pacientes admitidos devem atender aos critérios do programa e um deles é a presença integral de um cuidador.

O Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD) está localizado no Centro de Saúde Rosânia Machado, na Rua 2 de Setembro, 1.212, no bairro Itoupava Norte.

Assessora de Comunicação: Marília Prado



postada em 08/08/2019 14:53 - 464 visualizações



Vídeos