Google+


Secretaria de Saúde empossa Comissão de Ética de Enfermagem
Comissão é a 4ª estabelecida no Estado para prevenir atos não éticos da profissão.

Na tarde de terça-feira, dia 10, na Escola Técnica de Saúde (Etsus), foi realizada a cerimônia de posse dos  membros da Comissão de Ética de Enfermagem (CEE) da Secretaria de Promoção da Saúde de Blumenau (Semus). A comissão é constituída por enfermeiros, técnicos em enfermagem e auxiliares de enfermagem, sendo dois membros de cada categoria, que foram eleitos pelo período 2019-2022.

O órgão é representativo nas questões éticas dos profissionais de enfermagem e tem como objetivos divulgar o código de ética da categoria, bem como demais normas disciplinares e éticas do exercício profissional, além de promover e/ou participar de atividades que visem à interpretação e sensibilização dos profissionais de enfermagem em relação ao comportamento ético-profissional.

Busca ainda promover e/ou participar de atividades multiprofissionais ligadas à ética da profissão; assessorar e orientar diretorias e gerências de enfermagem, membros da equipe, pacientes, familiares e demais interessados, sobre questões éticas e as implicações decorrentes de atitudes não éticas; Assistência, ensino, pesquisa e administração.

O secretário de Promoção da Saúde, Winnetou Krambeck, esteve presente na posse e ressaltou a importância da comissão, uma solicitação antiga da categoria dentro do serviço, já que esta é apenas a segunda vez que uma CEE é constituída na Secretaria . “A Comissão vem para proporcionar um trabalho mais seguro, e vai contribuir para que possamos juntos melhorar cada vez mais a qualidade do serviço e o ambiente de trabalho”, avaliou.

Durante o ato da posse a coordenadora da Comissão de Ética do Conselho Regional de Enfermagem de Santa Catarina (Coren-SC), Enfa. Maria do Carmo Vicensi , ressaltou a importância do esforço coletivo para que a quarta comissão do Estado, estabelecida em um órgão de secretaria de saúde, fosse criada. Também lembrou que o papel da CEE não é fiscalizar, mas sim prevenir eventos não éticos, a fim de oferecer um melhor serviço ao usuário de saúde. Também atua de forma função educativa, consultiva, de conciliação, orientação, assessoramento, emissão de pareceres e vigilância ao exercício ético e disciplinar dos profissionais de enfermagem

Após a entrega dos termos de posse, a equipe de novos membros da comissão realizou a primeira reunião de trabalho.

 

Membros efetivos

Anair Muller

Dalva Barbosa

Edenilson Goeten

Everton de Oliveira

Ivo Michel

Patrícia Giacomelli Stenger

 

Membros suplentes

Ana Paula Machado Ghizoni

Claudia da Silva Thomaz

Enezita Terezinha dos Santos

Assessora de Comunicação: Marília Prado



postada em 12/12/2019 16:18 - 481 visualizações



Fotos