Google+


Prefeitura de Blumenau disponibilizará testes em todas as unidades Estratégia Saúde da Família (ESF)
Pacientes com suspeita de Covid-19 também poderão ser atendidos em qualquer ESF.

Foto: Marcelo Martins

A Prefeitura de Blumenau por meio da Secretaria de Promoção da Saúde (Semus) definiu que a partir da próxima segunda-feira, dia 24, irá disponibilizar testes contra Covid-19 em todas as 66 equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF), totalizando 56 locais de testagem. Atualmente o serviço é realizado em 28 unidades, além dos sete Ambulatórios Gerais (AGs) e a ideia agora é ampliar a testagem para garantir que toda a população seja contemplada de forma descentralizada, diminuindo o tempo de espera para consultas e consequentemente o fluxo de pacientes nos AGs.

Diferente de outros municípios da região, que seguirão o Ofício Circular nº 005/2022 do Governo do Estado, que sugere a testagem apenas para pacientes com sintomas respiratórios graves, Blumenau irá testar pacientes com, no mínimo, dois sintomas e 72h após o início deles. Pessoas sem sintomas (inclusive contatos próximos), pacientes ao fim do isolamento ou interessados em participar de eventos ou para entrada em estabelecimentos não serão testados. Caso a demanda pela testagem continue sendo alta na cidade e faltem testes, o município adotará as demais medidas anunciadas pelo Governo do Estado.

O Prefeito Mário Hildebrandt reforça o compromisso de descentralizar da testagem. “Nós nos preparamos, nos antecipamos e adquirimos testes para atender a população. Seguimos trabalhando para ampliar os locais de testagem para diminuir a sobrecarga dos Ambulatórios Gerais”, afirma. Atualmente, as unidades ESFs concentram pouco atendimento, em relação ao público que procura os AGs.

Suspensão da territorialidade dos ESFs
Nesta quarta-feira, dia 19, o secretário de Promoção da Saúde (Semus), Winnetou Krambeck assinou a Portaria nº 846, que suspende temporariamente a territorialidade das unidades Estratégia Saúde da Família (ESF), exclusivamente em casos de síndromes gripais. A medida permitirá que os moradores com suspeita de Covid-19 possam receber atendimento em qualquer ESF, independente do local em que reside. O documento tem validade de 30 dias. Situações que não sejam relacionadas à Covid-19, devem seguem sendo atendidas na unidade em que o usuário esteja referenciado.

A territorialização dos atendimentos é uma determinação do Ministério da Saúde, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) que serve para organizar os serviços de acordo com o território, ou seja, conhecendo o território, as equipes de saúde que atuam nos bairros podem elaborar estratégias para atender a população da localidade.



postada em 19/01/2022 18:00 - 5523 visualizações



Fotos
  • Foto: Marcelo Martins