Google+


Palestra para manipuladores de alimentos terá mudança a partir de janeiro
São oferecidos quatro horários para realização da capacitação.

A partir de janeiro do próximo ano, a Secretaria Municipal de Promoção da Saúde (Semus), por meio da Vigilância Sanitária e Ambiental, irá alterar os dias e horários em que são oferecidas as palestras para profissionais que trabalham direta ou indiretamente com manipulação de alimentos.

Pessoas que não possuem e precisam do certificado poderão participar das palestras nas segundas e sextas-feiras, às 8h30, ou terças e quartas-feiras, às 13h30. O certificado tem validade por dois anos. O processo é obrigatório para profissionais que atuam em estabelecimentos como restaurantes, lanchonetes, padarias e cozinhas industriais, preparando e manuseando alimentos nesses serviços. 

A capacitação é realizada no Centro de Saúde Rosania Machado Pereira, localizado na Rua 2 de Setembro, 1.212, no bairro Itoupava Norte. Durante os encontros, os participantes recebem orientações e instruções sobre o manejo adequado dos alimentos. O agendamento para realizar a capacitação deve ser feito pelos telefones 3381-7764 ou 3381-7779.

Capacitação on-line
O conteúdo das aulas sobre manipulação de alimentos também pode ser acessado on-line e de forma gratuita. O curso da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ensina formas seguras de preparo, além das principais regras da vigilância sanitária. Os participantes que concluírem satisfatoriamente a avaliação recebem certificado da Anvisa. O curso pode ser acessado neste link.

 

Confira os dias e horários das palestras para manipuladores de alimentos:

Segundas-feiras: 8h30
Terças-feiras: 13h30
Quartas-feiras: 13h30
Sextas-feiras: 8h30

Documentos para Carteira de Saúde

- Carteira de vacinação atualizada (tétano e hepatite B)
- Comprovante de residência
- Documento de identificação com foto
- Foto 3x4 (iniciantes)

Profissional que necessita apenas do Certificado da palestra (aquele que já possui o Atestado de Saúde Ocupacional - ASO)

- Certificado da palestra anterior (para palestras feitas a partir de 2017, no caso de revalidação)
- Comprovante de residência

Assessora de Comunicação: Marília Prado



postada em 19/12/2019 08:30 - 229 visualizações