Google+


Prefeitura forma primeiras turmas da Educação Bilíngue na língua alemã e inglesa
Estudantes são de instituições de ensino com língua adicional em inglês e alemã

Foto: Marcelo Martins
Nesta terça-feira, dia 5, a Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria de Educação (Semed), formou as primeiras turmas piloto da Educação Bilíngue da Rede Municipal de Educação. O evento ocorreu no Teatro Carlos Gomes e contou com a presença do prefeito, Mário Hildebrandt, da vice-prefeita, Maria Regina de Souza Soar, e do secretário de Educação, Alexandre Matias. 
 
Na ocasião, se formaram as turmas de quintos anos da Escola Básica Municipal Bilíngue Fernando Ostermann e Escola Municipal Bilíngue Erich Klabunde, que oferecem como língua adicional inglês e alemão respectivamente. Ao todo, 49 estudantes concluíram o ciclo da Educação Bilíngue.
 
A Educação Bilíngue foi estudada e planejada na rede municipal no ano de 2018, com sua primeira implantação em 2019 inicialmente em inglês e alemão. Atualmente, o município possui 18 instituições de ensino com Educação Bilíngue, sendo 13 em língua inglesa, quatro em língua alemã, e uma na Língua Brasileira de Sinais (Libras).
 
“Esse é um dos momentos mais felizes da minha caminhada como prefeito. Ver o resultado de uma decisão na vida das pessoas, como o ensino bilingue vai transformar a vida dessas crianças. Esse é um projeto para a vida, estamos dando oportunidade a esses estudantes. Nós já estamos colhendo os resultados disso, as nossas escolas piloto conquistaram notas excelentes no Ideb”, destacou Hildebrandt.
 
O objetivo é proporcionar conhecimentos necessários linguísticos para o uso social e acadêmico de, no mínimo, duas línguas, por seus estudantes. A Educação Bilíngue se diferencia de uma escola de idiomas, porque os estudantes não têm apenas aulas de outro idioma, mas aulas ministradas em outra língua ampliando o repertório cultural, artístico, matemático, tecnológico e linguístico, assim como a autonomia de interação nas línguas estudadas. Esse contexto oferece oportunidades de formação pessoal e profissional diferenciadas para os estudantes, enriquecendo e diversificando também a educação pública ofertada pelo município.
 
“Toda vez que nós temos momentos como esse, como apresentação dos nossos estudantes, em que eles mostram tudo o que estão aprendendo é um momento muito emocionante e mostra o quanto o ensino bilíngue é importante para a educação do nosso município. Essa formatura é apenas o início de muitas outras turmas que vamos formar”, comentou Matias.
 
Assessora de comunicação: Júlia Gabriela Vanderlinde


postada em 05/12/2023 17:02 - 606 visualizações



Fotos
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins