Google+


Distrito de Inovação é tema de encontro entre empresários, universidade e Prefeitura de Blumenau
Encontro ocorreu na tarde desta segunda-feira, dia 29, no gabinete do prefeito Mário Hildebrandt

A criação do Distrito de Inovação de Blumenau (DIB) segue em pauta e foi tema de um novo encontro na tarde desta segunda-feira, dia 29, no gabinete do prefeito Mário Hildebrandt. Na oportunidade, foi apresentado o resultado do Masterplan, uma oficina participativa realizada no fim do ano passado e que trouxe ideias e propostas para a implantação do distrito, que tem projeto para ser instalado no bairro Itoupava Seca, nas imediações do Centro de Inovação de Blumenau (CIB) e do campus 2 da Furb.

Além do prefeito, participaram do encontro a vice-prefeita Maria Regina de Souza Soar, os secretários de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo, Valdecir Mengarda, e de Planejamento Urbano, Éder Boron, além de representantes da Furb, do Sebrae, de empresas de tecnologia e do Sindilojas. No primeiro momento da reunião, foram apresentadas as oito sugestões colhidas junto à comunidade na Oficina Participativa do Masterplan. Esses dados devem ser finalizados até o fim de março. Depois disso, o projeto do DIB será formulado e enviado para a Câmara de Vereadores para aprovação.

Mas a ideia já é ir fomentando projetos e ideias para transformar aquela área, dando uma cara diferente e incentivando que empresas de Blumenau e de outras cidades se instalem por lá. “Vamos discutir possíveis isenções fiscais, mas acima de tudo queremos vender e trabalhar o conceito do distrito. Queremos criar um ambiente propício para as empresas, incentivando que elas façam realmente parte do projeto, atuando de forma direta na manutenção de todo o sistema desse distrito”, afirmou Mengarda.

Para o prefeito, o DIB terá papel fundamental para discutir soluções para toda a cidade, como já ocorre em outros locais do Brasil e do mundo. “Uma cidade inteligente precisa pensar de forma conjunta, envolvendo as governanças com participação do poder público, como um ator principal, mas também com apoio necessário da iniciativa privada, das instituições educacionais, como universidades, e da sociedade civil organizada. E a criação do Distrito de Inovação vem nesse caminho, de unir forças em buscar soluções para toda a comunidade”, afirmou Hildebrandt.

Mesmo sem o DIB sair do papel, o prefeito entende que é importante mapear dentro da área que compreende o distrito algumas prioridades para já começar a trabalhar. 

DIB
O distrito é uma ação conjunta da Prefeitura com diversas entidades, como a Furb, CIB, Instituto Gene, Associação Empresarial de Blumenau (Acib), Blusoft e Associação de Micro e Pequenas Empresas de Blumenau (Ampe) e tem como intuito buscar a articulação de três eixos prioritários: inovação urbana, econômica e social, ligando vários atores sociais e econômicos e implementando suas estratégias, ações e políticas no território e na cidade.

O objetivo do DIB é de construir o conceito, as diretrizes, o formato, a delimitação, os objetivos e os recursos envolvidos necessários para o desenvolvimento de uma cidade ideal.



postada em 30/01/2024 08:43 - 564 visualizações



Fotos
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins