Google+


Procon faz pesquisa de preços com materiais escolares em Blumenau
Foram analisados os valores de 28 produtos, em sete estabelecimentos

O Procon de Blumenau realizou nesta quarta-feira, dia 16, um levantamento dos preços dos materiais escolares na cidade. Ao todo, a equipe do órgão coletou informações de 28 produtos, em sete estabelecimentos comerciais. A pesquisa não levou em consideração a marca ou o fabricante do item, mas sim, o menor preço. Além disso, o Procon aproveitou a ocasião para fiscalizar as lojas do ramo e papelarias.

Entre os produtos pesquisados estão apontador, lápis, pincel, tesoura, cola, compasso, corretivo, esquadro, canetas de diversos tipos, borracha, tinta guache, além de cadernos de variados tamanhos. Uma das maiores diferenças é no valor do compasso, que em um estabelecimento custa R$ 0,50 e em outro, R$ 13,20. Em outra situação, a caixa de lápis de cor, com 12 unidades, varia de R$ 2,00 a R$ 12,99.

Para o coordenador do Procon de Blumenau, André Moura Cunha, o levantamento ajuda o consumidor que busca economizar na hora de comprar os materiais. “Com a pesquisa os pais podem ter uma base dos valores dos materiais escolares, mas ainda assim, cabe a eles, aos consumidores, pesquisar. Além disso, com a divulgação dessa lista, os outros estabelecimentos vão, de certa forma, se obrigar a baixar o preço, ou seja, o consumidor tem uma grande arma a seu favor, que é a pesquisa”.

O Procon de Blumenau não se responsabiliza pela falta de produtos, ou pelas alterações de preços feitas sem aviso prévio. 

 

Assessor de Comunicação: Odair José da Silva



postada em 17/01/2019 13:48 - 1143 visualizações



Fotos