Google+


Procon de Blumenau fiscaliza preços de repelentes e derivados nos estabelecimentos comerciais da cidade
Objetivo é de atender a denúncias de consumidores com alegação de abuso nos preços dos produtos

Atento ao que preconiza o Código de Defesa do Consumidor (CDC), o Procon de Blumenau inicia uma fiscalização nos estabelecimentos comerciais da cidade, especificamente em supermercados e farmácias. Objetivo é de atender a diversas denúncias de consumidores com a alegação de que está havendo abuso nos preços de produtos como repelentes e seus derivados.

Segundo o diretor do Procon, Alexandre Caminha, a fiscalização tem como objetivo principal orientar os estabelecimentos sobre a situação. Além disso, o órgão de defesa vai exigir as notas fiscais dos últimos três meses para comparação de valores e averiguar se há aumento abusivo nos preços.

Caminha também orienta aos consumidores que possuem notas fiscais antigas para que façam uso do WhatsApp do Consumidor, que atende pelo número 3381-7151, para ajudar na comparação de valores.  

Assessor de Comunicação: Joni César



postada em 26/02/2024 09:22 - 441 visualizações