Google+


Procon de Blumenau fiscaliza bancos em favor dos idosos
Medida visa buscar garantir os direitos dos idosos na cidade para evitar que eles caiam nas armadilhas do crédito fácil.

Com o objetivo de assegurar os direitos dos consumidores, em especial dos idosos, o Procon de Blumenau fiscaliza durante esta terça-feira, dia 1º de outubro, os estabelecimentos bancários localizados no Centro da cidade. A medida, realizada propositalmente em função do Dia do Idoso, é uma ação conjunta com o Procons-Brasil intitulada Ação de Fiscalização dia “D” de Combate ao Empréstimo Abusivo.

Segundo o coordenador do Procon de Blumenau, André Moura da Cunha, a fiscalização vai verificar como está a relação dos bancos com os idosos e se não estão havendo irregularidades principalmente no repasse da renda mensal aos mesmos. Para André, a ação também é resultado do registro de reclamações de aposentados sobre descontos indevidos efetivados pelos estabelecimentos bancários, que chegou neste ano na marca de 200 no total. “Pelo menos 60 das reclamações geraram boletim de ocorrências na Polícia Civil, por terem assinaturas falsificadas, segundo o que denunciaram os aposentados”, diz André.

O coordenador explica ainda sobre a facilidade da obtenção de crédito pelos consumidores e principalmente pelos idosos. “Hoje em dia é muito fácil obter crédito, fazer diversas compras e ter vários cartões de crédito. O tempo todo somos abordados por bancos, financeiras, vendedores, telefonemas, cartas, contatos por e-mails, mensagens de celular e até telas de caixas eletrônicos. Tudo isso oferecendo um crédito fácil, além de empréstimos consignados. Os idosos são os principais alvos, por serem mais frágeis e por isso, precisam tomar cuidados com estas armadilhas”, avisa.

 

Neste Dia do Idoso, o Procon também elaborou dicas e orientações sobre como evitar as armadilhas da obtenção do crédito fácil e qual atitude tomar antes de ir às compras.

Confira as dicas do órgão de defesa para ajudar os idosos:

- Cuidado! O crédito é fácil, mas não é fácil pagar

- Antes de contratar um empréstimo, deve-se avaliar se realmente há esta necessidade e se o orçamento cabe no bolso e verificar ainda quanto da renda será reduzida com a prestação do empréstimo

- Nos casos de empréstimos, deve-se pesquisar a menor taxa de juros praticada. Além disso, deve-se resistir aos pedidos de familiares para aquisição do mesmo.

- Nunca adquirir crédito com pessoas estranhas na rua, em casa ou por telefone.

- Não assinar contratos ou documentos sem a presença de familiares ou de alguém de total confiança, bem como não permitir que outras pessoas façam empréstimos em seu nome.

- Jamais se deve fornecer a senha do cartão de banco nem repassá-la para outra pessoa. Caso a transação não seja paga, poderá comprometer o responsável pelo cartão, deixando o nome negativado no mercado.

- Crédito: ao adquirir, não pode haver exigência na compra de um produto como seguro ou título de capitalização, por exemplo. Essa prática é ilegal e caracteriza venda casada.

- Ficar alerta com o cartão de crédito consignado que deve ser feito pessoalmente.

Como vencer o superendividamento:

- Reconhecer quanto se está endividado

- Organizar todas as receitas, despesas e dívidas

- Planejar como obter mais dinheiro

- Analisar as dívidas

- Tentar mudar o estilo de vida

Assessor de Comunicação: Joni César



postada em 01/10/2019 09:47 - 539 visualizações



Fotos