Google+


Palestra orienta idosos sobre como se prevenir de golpes na internet
Alunos da Pró-Família receberam orientações de como cuidar com perfis fakes e outras abordagens nas redes sociais

Na quarta-feira, dia 23, cerca de 80 idosos que frequentam as aulas da Secretaria da Família (Pró-Família) participaram de uma palestra sobre golpes em redes sociais. O intuito era orientá-los sobre como se prevenir de estelionatários, perfis fakes, propagandas enganosas, bem como de abordagens abusivas na internet.

Conforme explica o secretário da Família, Julio César Pereira, o tema surgiu a partir da própria demanda dos alunos. “Os golpes em WhatsApp e outras redes sociais estão cada vez mais comuns. Percebemos em nossos alunos a necessidade de ensinar como se prevenir. Todo mundo conhece alguém que já teve o telefone clonado, ou foi abordado por um perfil falso. Então decidimos falar sobre esse assunto, para que nossos idosos saibam como se proteger”.

A palestra foi ministrada de forma voluntária pela advogada Leila Adriana Caliari, que abordou exemplos de golpes aplicados nas redes. “É muito comum o golpista criar um perfil falso com a foto de um familiar para pedir dinheiro via pix. A orientação que a gente dá é para fazer uma chamada de vídeo. O golpista não vai atender. Se for um parente seu, ligue para confirmar que o pedido é verdadeiro antes de transferir dinheiro”, orientou a advogada.

Outro alerta feito pela palestrante foi quanto aos golpes de relacionamentos. “Orientamos muito o cuidado de se envolver emocionalmente com alguém pela internet. O melhor é conhecer as pessoas pessoalmente. Tem sido muito comum idosos se envolverem com alguém virtualmente e ter dados roubados ou perder dinheiro, por enviar somas ao suposto namorado”, completou Leila.

 

Assessora de Comunicação: Aline Franzoi Santos Fleith



postada em 24/08/2023 14:06 - 624 visualizações



Fotos
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins
  • Foto: Marcelo Martins