Google+


Roseli Ritzmann expõe Variáveis Estruturais no MAB
Mostra reúne arranjos de peças seriadas que se adaptam ao espaço expositivo.

A artista visual Roseli Ritzmann abre nesta quinta-feira, dia 14 de março, às 19h, a Exposição Variáveis Estruturais. Os dez objetos e instalações produzidos pela joinvilense nos últimos dois anos serão apresentados ao público na Sala Alberto Luz, do Museu de Arte de Blumenau (MAB), durante a programação de instalação da primeira temporada de exposições deste ano. A noite festiva contará com a tradicional conversa com os artistas, lançamento livros, homenagens e apresentação dos músicos da Banda Municipal de Blumenau. As visitas às exposições podem ser feitas até 5 de maio, de terça-feira a domingo, das 10h às 16h. A entrada é gratuita.

Com curadoria do jornalista e professor Gleber Pieniz, Variáveis Estruturais é uma exposição que ilustra o trânsito de Roseli Ritzmann nas técnicas mais tradicionais da arte, como a pintura e a cerâmica. Seus trabalhos são produzidos com peças de reaproveitamento, sobras de materiais como plástico, papel e tecido e elementos sacados da funcionalidade cotidiana como fotografias, bonecos e caixas.

Em Variáveis Estruturais, Roseli Ritzmann explora as diversas possibilidades de montagem para as numerosas peças que compõem cada uma das suas instalações. Boa parte dos dez trabalhos apresentados no MAB é feita de centenas de células muito parecidas entre si e que são arranjadas conforme as peculiaridades de espaço, luz e arquitetura do ambiente expositivo. O resultado dessa montagem ora sugere associações e complementos, ora evoca conflitos e oposições. “A dinâmica de cada obra se justifica nas diferenças de arranjo e a temática dos trabalhos ganha corpo na seriação de elementos e no desdobramento de conceitos que colocam em evidência os antagonismos no campo de referência subjetiva de cada espectador”, diz a artista.

Roseli Ritzmann nasceu em Joinville em 1965. A artista visual é formada em Belas Artes pela Casa da Cultura de sua cidade. Graduada em História com especialização em Arteterapia e Neuropsicologia, abriu seu leque de atuação com formação na gestão de projetos e mediação cultural, além de cursos livres de gravura, desenho e confecção de bonecos. Integrante da Associação de Artistas Plásticos de Joinville (AAPLAJ), têm participado de exposições individuais e coletivas desde 1986 com pinturas e esculturas, embora somente nos últimos três anos tenha dedicado atenção sistemática à pesquisa e à produção artística para exposições. 

Elke Hering

A artista plástica Elke Hering será homenageada na abertura da 1ª Temporada de Exposições. Na sala que leva o seu nome, estarão expostas obras deste ícone catarinense que enriquecem o acervo do museu. A noite de abertura contará com o lançamento do livro "Elke Hering: crítica, circuito e poética", de autoria de Daiana Schvartz. A publicação reúne a produção da artista blumenauense com ênfase nas décadas de 1960 e 1970. A homenageada da noite nos deixou em 19 de fevereiro de 1994.

Em noite de homenagens, a sala Especial do MAB receberá o nome do Comendador da Cultural, bailarino e escultor Pedro Dantas, importante personagem da arte e cultura de Blumenau, falecido em 29 de janeiro aos 77 anos.

Saiba mais

Abertura da 1ª Temporada de Exposições no MAB
Data: 14 de março, quinta-feira
19h: conversa com os artistas expositores
20h: abertura da temporada, lançamento de livros e apresentação musical
Visitas: até 5 de maio, de terça-feira a domingo, das 10h às 16h
Visitas mediadas: marque pelo telefone 3381-6176
Classificação indicativa: Livre
Entrada franca

As exposições

Rogério Borges (PR): Mitoplasma
Samuel Caixeta (GO): Habilidades e dons
Pedro Gottardi (SC): Poiesis de um corpo [des] construído e [ex]posto)
Roseli Ritzmann (SC): Variáveis Estruturais

 

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello



postada em 13/03/2019 08:55 - 255 visualizações



Fotos
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação