Google+


Painel Aldeia homenageia a ceramista Freya Gross
Trabalho da artista blumenauense está exposto no segundo piso da Secretaria Municipal de Cultura.

A Secretaria Municipal de Cultura e Relações Institucionais (SMC) e o Museu de Arte de Blumenau apresentam o painel Aldeia, em homenagem à autora, a ceramista Freya Gross. A artista nasceu em 19 de setembro de 1916 em Blumenau. Na década de 1950, conheceu o escultor e ceramista italiano Angelo Tanzini, que viveu no Valeu do Itajaí e em Minas Gerais, tendo retornado à Itália nos anos 1960. Com ele, Freya aprendeu todas as técnicas, desde a escolha da argila, as etapas e cuidados até a queima. Seus estudos e experimentações acabaram por dar novo significado à vida. Devotou a atividade tanto empenho e dedicação que fizeram dela uma conceituada e respeitada ceramista.

Entre seus inúmeros trabalhos, tinha como especialidade os painéis que executava em azulejos cerâmicos pintados à mão. Assim foi o processo de um de seus últimos trabalhos, o painel Aldeia, herdado pela Secretaria Municipal de Cultura. O trabalho é constituído por 364 azulejos pintados à mão, retratando elementos culturais e históricos da cidade de Blumenau, desenhados em tamanhos reduzidos no papel, ampliados para a escala real e transferidos para os azulejos crus. Após a pintura e aplicação do esmalte transparente, seguiram para o forno em temperatura média de 1060 graus. A obra mede 3 metros e 96 centímetros de largura por 2 metros e 13 centímetros de altura. Freya nos deixou em 5 de novembro de 2008, aos 92 anos. A união de sonhos e esforços permitiu que o fruto de sua criação e amor pela cidade fosse instalado no 2º piso do prédio histórico da SMC, ficando disponível à apreciação da comunidade, visitantes e turistas. 

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello



postada em 23/07/2020 15:02 - 109 visualizações