Google+


MAB presente na seleção de projetos culturais da Fundação Badesc
A gerente do museu blumenauense Mia Ávila contribuiu no processo de escolha dos quatro projetos que vão integrar as exposições da instituição catarinense.

A gerente do Museu de Arte de Blumenau (MAB), Mia Ávila, participou como convidada da comissão de análise e seleção dos projetos inscritos no Edital de Exposições Temporárias da Fundação Cultural da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc). Foram selecionados e aprovados no edital 2022 Audrian Cassanelli (O Filho da Soja), Giba Duarte (Prólogo Sobre Experiência Coletiva), Jan M.O. (Dileção-Direção (ou afetos transpostos)) e Shayda Cazaubon Peres, junto das artistas Lorena Galeri, Bruna Ribeiro, Daniela Vicentini e Elisa V. Queiroz (MEIO).

Os projetos selecionados vão integrar o calendário expositivo de 2022 da Fundação e a apresentação dos trabalhos será no Espaço Fernando Beck. “O edital reuniu um considerável número de significativos projetos, participar do processo foi gratificante. Selecionar quatro entre tantos bons projetos foi uma difícil missão”, salientou a gerente do MAB.

Além de Mia Ávila, a comissão que avaliou um total de 138 propostas contou com a colaboração da doutoranda em artes visuais, Carolina Ramos, e do curador e historiador Fernando Boppré. A comissão levou em consideração questões poéticas, a pluralidade de linguagens e os pontos de vista dos projetos apresentados. Além disso, a viabilidade da execução dos projetos de acordo com o espaço expositivo oferecido pela Fundação, também foram analisadas. A primeira exposição inédita de 2022 abre ao público no dia 7 de abril.

 

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello



postada em 15/03/2022 16:11 - 444 visualizações



Fotos