Google+


Exposição 'Sinta-se no Vale' chega ao Museu de Arte de Blumenau
Obras da artista Maria Salette estão entre as atrações da 2ª Temporada de Exposições.

Os trabalhos apresentados pela taioense radicada em Blumenau Maria Salette Engels Werling se desenvolvem a partir de imagens características das obras da artista. Os morros, caminhos, rios e intervenções humanas na natureza, presentes na temática de suas produções, serão apresentados para o público na 2ª Temporada de Exposições do Museu de Arte de Blumenau (MAB), que terá a abertura no dia 3 de maio. A programação começa às 19h, na Fundação Cultural de Blumenau (FCBlu), com a conversa com os artistas. A entrada é franca.

Em variações de preto e branco, as obras buscam dialogar com o espectador e provocar uma reflexão acerca da instabilidade social, econômica e política que ronda o dia a dia das pessoas. “Maria Salette dialoga com nosso tempo, com nossas necessidades e urgências presentes no século XXI e, com isso, sua obra transforma-se. Sai da tela e interfere no espaço, torna-o lugar, discute e intervém no espaço imaculado da exposição”, diz a doutora em Educação e professora do Departamento de Arte e do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Regional de Blumenau (Furb), Carla Carvalho. “A artista faz da obra um acontecimento, na medida em que interfere e compreende a sua efemeridade. Salette faz um convite para apreciar e intervir, pois compreende que hoje somos mais do que simples apreciadores”.

Sobre a artista
Maria Salette é natural de Taió, onde iniciou os estudos em pintura acadêmica aos 11 anos. Em 1979, veio a Blumenau cursar Artes na Furb e posteriormente cursou Artes Plásticas e Pós-graduação na Udesc, em Florianópolis. Em 1983, iniciou suas atividades como arte-educadora na rede pública de ensino e também passou a participar de exposições e salões de arte. Em seu currículo constam 45 exposições individuais, 140 exposições coletivas, 17 salões de arte e algumas premiações. Suas obras estão em livros como o “Indicador Catarinense das Artes Plásticas”, “Brasil 500 Anos” e “Brasil em Números - IBGE, 2015”. Em 2018, comemora 35 anos de atividades artísticas.

Serviço
Abertura da 2ª Temporada de Exposições no MAB
Data: quinta-feira, dia 3 de maio
Horários:
- 19h: conversa com os artistas
- 20h: abertura da 2ª Temporada de Exposições do MAB, lançamento de livros, declamação de poesias e apresentações musicais
Visitas: até 17 de junho, de terça-feira a domingo, das 10h às 16h
Visitas mediadas podem ser marcadas pelo telefone 3381-6176
Entrada franca

Livros que serão lançados:
- Bernardo e o Vendedor de Maçãs, de Andréa Gustmann
- Pegadas Amigas - Despertando a Imaginação através do Lúdico, de Neida Rocha
- BIG - Um gato aventureiro cheio de travessuras e Poemas para crianças, de Cícero Pedro de Melo
- Mente Quântica, de Oto Muller

Mostras:
- Sala Especial: “Sinta-se no Vale”, de Maria Salette Engels Werling
- Sala Elke Hering: “ImaginAção”, de Belíria Boni
- Galeria Municipal de Arte/Sala Alberto Luz: “A Presença da Matéria”, de Leandro Serpa
- Galeria do Papel: Ricardo Kugler apresenta as suas fotografias compostas pelos reflexos de água
- Sala Roy Kellermann: “Pequenos altares para tesouros anódinos”, de Sandra Lapage

 

Assessor de comunicação: Sérgio Antonello



postada em 23/04/2018 11:04 - 544 visualizações



Fotos
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação