Google+


Dr. Blumenau é destaque em publicação alemã
A história do fundador da colônia e a passagem dos 200 anos de seu nascimento ocupam quatro páginas da revista.

Recente publicação da Sociedade Cultural Blumenau-Alemanha (Mitteilungen der Blumenau-Gesellschaft) destaca os 200 anos de nascimento do fundador da colônia, Dr. Blumenau. Nas quatro páginas escritas em alemão, estão em destaque fotos e a história deste importante personagem que em 1867, aos 48 anos, casou-se com Bertha Louise, 13 anos mais nova. O município dedica este ano uma vasta programação para marcar a passagem desses dois séculos do personagem que desbravou o Vale do Itajaí.

A Revista Blumenau em Cadernos também é um dos assuntos comentados. A publicação registra texto que a senhora Jutta Blumenau-Niesel compilou um interessante olhar para a comemoração dos 200 anos de nascimento de seu bisavô, o Dr. Hermann Bruno Otto Blumenau. Há muitos anos ela se dedica à divulgação destes temas na Alemanha, promovendo palestras, exposições itinerantes, concedendo entrevistas, publicando informativos e apoiando iniciativas museológicas.

Os esforços da última descendente viva do fundador têm por objetivo a manutenção dos laços entre Blumenau e a Alemanha, sobretudo no contexto de alemães e teuto-brasileiros que têm ligações familiares com a cidade do Vale do Itajaí, e de pesquisadores interessados no assunto. A publicação também cita a presença de Hans-Diether Beuthan, do Wirtschafts-und Wissenschaftszentrum Brasilien-Deutschland (Centro Econômico e Científico Brasil-Alemanha), nos festejos de aniversário da cidade em setembro.

Outro momento importante menciona a recente viagem da historiadora Sueli Petry à Alemanha. A diretora de Patrimônio Histórico-Museológico de Blumenau foi à Europa atrás de novos documentos do fundador da cidade. Lá contou com apoio da pesquisadora alemã Sabine Kiefer na coleta de dados, alguns inéditos, como o testamento do Dr. Blumenau. Foram descobertas imagens inéditas que até então estavam repousando no arquivo histórico alemão, datadas do ano de 1877. Parte desse acervo compôs uma exposição em comemoração aos 200 anos de nascimento do fundador da cidade, no Mausoléu.

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello



postada em 04/11/2019 14:19 - 606 visualizações



Fotos
  • Foto: Divulgação / SMC
  • Foto: Divulgação / SMC
  • Foto: Divulgação / SMC