Google+


Condecorações marcam os 200 anos de Fritz Müller
O pesquisador Luiz Roberto Fontes e a musicista Melita Bona serão homenageados no dia 31 de março, data do bicentenário do ambientalista alemão.

As celebrações dos 200 anos de nascimento de Johann Friedrich Theodor Müller contarão com homenagens e entrega da Comenda da Cultura Rose Gaertner para personalidades que contribuem com a história e a cultura de Blumenau. Neste ano, as condecorações serão entregues ao pesquisador Luiz Roberto Fontes e à musicista Melita Bona.

As distinções ocorrem durante a solenidade programada para o dia 31 de março, às 8h30, no Museu de Ecologia Fritz Müller. Na ocasião, a prefeitura também fará homenagens aos Amigos da Cultura, destacando personalidades e entidades que contribuíram com a programação do ano do bicentenário de Fritz Müller.

Como naturalista, o professor Fontes dedica-se à história da ciência, com ênfase no resgate da memória do naturalista e pioneiro do evolucionismo darwinista no Brasil, Fritz Müller. Interessado no tema desde 1998, a partir de 2005 iniciou atividades para divulgação do naturalista, organizando a edição brasileira do livro Für Darwin (agora em 2ª edição, a 3ª será lançada em julho deste ano), a 2ª e 3ª edições do livro O sábio e a floresta do jornalista Moacir Werneck de Castro, a exposição itinerante “Fritz Müller – Príncipe dos Observadores” e respectivo livro, além de quatro capítulos e 18 artigos científicos ou de divulgação sobre o naturalista alemão. É autor ou editor de nove livros, 22 capítulos e 132 artigos científicos e de divulgação da ciência e da cultura.

Melita Bona é tataraneta de Fritz Müller e de Karoline Töllner. No campo profissional, é Mestre em Educação pela Universidade Regional de Blumenau (Furb) e tem Licenciatura Plena em Educação Artística. Foi docente do Departamento de Artes da Furb (2003-2018); coordenadora do Curso de Música da Furb; exerceu as funções de vice-diretora do Centro de Ciências da Educação, Artes e Letras (2014-2018); coordenadora pedagógica do Programa Institucional Artes na Escola/PIAE (polo Furb) e do Subprojeto de Música do PIBID também da Furb (2010-2018).

Melita atuou como professora e coordenadora de música na rede particular de ensino em São Paulo (1986 a 1999) e professora de música na Escola do Teatro Carlos Gomes de Blumenau (1972 a 1979). É integrante dos grupos de pesquisa de arte na educação e musicologia. Com sua vasta experiência no campo da música formou dezenas de profissionais que hoje atuam nos mais variados segmentos das artes.

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello



postada em 24/03/2022 15:09 - 521 visualizações



Fotos
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação