Google+


Boletim Coronavírus Blumenau 09/12/2021
Saiba mais em blumenau.sc.gov.br/coronavirus

Blumenau registra 24 novos casos de Coronavírus

Blumenau registra nesta quinta-feira, dia 9, um total de 68.954 casos confirmados de Coronavírus (Covid-19), 24 a mais do que registrado na quarta-feira, dia 8, quando o município contabilizava 68.930 casos da doença.

Ao todo, a Prefeitura de Blumenau já fez 294.646 testes para Covid-19. Nas últimas 24 horas foram processados 491 exames. Entre os casos positivos, 133 pacientes estão em tratamento. Destes, 124 encontram-se com estado de saúde estável, em isolamento domiciliar e sendo monitorados pela Secretaria de Promoção da Saúde.

Dos casos em análise e confirmados de Blumenau e de outros municípios, 11 pacientes encontram-se hospitalizados, sendo oito em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e três em enfermaria. Destes na UTI, seis pacientes são de Blumenau e dois pacientes de outra cidade e a taxa de ocupação dos leitos de UTI na cidade é 12,1%  em relação a capacidade atual de ocupação, com 66 leitos ativos. Já em enfermaria são 3 pacientes de Blumenau, com taxa de ocupação de 1,7%.

O município contabiliza também 68.140 casos de pessoas que já passaram pelo período de isolamento e não apresentaram novos sintomas, considerados como recuperados. Na quarta-feira, dia 8, um óbito foi registrado na cidade. A vítima foi uma mulher de 73 anos, com comorbidades, que estava internada em UTI desde o dia 7 de novembro. Blumenau conta 681 óbitos por Coronavírus no município.

A Prefeitura de Blumenau destaca a importância de manter o isolamento social, nos casos em que as pessoas podem ficar em casa. O poder público também reforça as medidas de segurança, que incluem o uso de máscara sempre que sair de casa e a higienização freqüente das mãos, com água e sabão ou álcool em gel.

Blumenau já aplicou 551.809 vacinas entre 1ª, 2ª, dose única e dose de reforço

Nas últimas 24 horas foram aplicadas 139 vacinas da primeira dose (270.263 vacinados até o momento), 592 da segunda dose ou dose única (253.947 imunizados até o momento), 418 da dose de reforço (27.599 imunizados até o momento). O município segue as determinações da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, do Ministério da Saúde (MS) e as deliberações do Governo do Estado. Com a chegada de novas remessas de imunizante a Prefeitura vai divulgando em seus canais oficiais (site e redes sociais) os grupos prioritários que podem se vacinar conforme o Plano Municipal de Imunização.

A Central de Vacinação contra a Covid-19 localizada no Setor 3 do Parque Vila Germânica, segue aplicando a segunda dose contra a Covid-19 nas pessoas com agendamento e fazendo aplicação da antecipação da Pfizer e Astrazeneca, para quem reagendou. O atendimento acontece todos os dias da semana, das 8h às 22h.

Alô Saúde Blumenau

A comunidade pode contar com atendimento virtual, sem sair de casa, por meio do Alô Saúde Blumenau, pelo telefone 156 (opção 2). O canal possibilita a população esclarecer dúvidas sobre sintomas na pandemia de Coronavírus. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Central de Monitoramento

Os profissionais da saúde que atuam na Central de Monitoramento Covid-19 fazem ligações aos pacientes com diagnóstico positivo para Coronavírus diariamente, das 8h às 17h.

Atendimento Rápido Covid-19

Os Ambulatórios Gerais (AG) seguem oferecendo atendimento aos casos suspeitos de Covid-19. Os AGs da Velha, Garcia, Itoupava e Fortaleza (anexo ao HU da Furb), atendem de segunda a sexta-feira, das 7h às 23h. Já os AGs Centro e Escola Agrícola, atendem das 7h às 20h durante a semana. Aos sábados, o atendimento acontece nos AGs Velha, Garcia e Itoupava das 7h às 18h. Já aos domingos, o atendimento acontece nos AGs Velha e Itoupava, das 7h às 18h.

As unidades Estratégia Saúde da Família (ESF) também oferecem atendimento para casos suspeitos de Covid-19. O endereço e horário de atendimento das unidades habilitadas está no site da Prefeitura, em blumenau.sc.gov.br/coronavirus/atendimentocovid. A medida segue orientações do Governo do Estado, para que o serviço faça parte do rol de atendimentos da atenção básica de saúde.



postada em 09/12/2021 16:45 - 1013 visualizações