Google+

Realizados 368 testes de glicemia em ação do Dia Mundial do Diabetes
Evento no Centro de Blumenau encerrou a Semana Municipal do Diabetes.

Foto: Eraldo Schnaider

Para encerrar a Semana Municipal do Diabetes e celebrar o Dia Mundial do Diabetes, a Secretaria Municipal de Promoção da Saúde (Semus) realizou uma campanha de prevenção, nesta terça-feira, dia 14, na Rua 15 de Novembro, em frente à escadaria da Catedral São Paulo Apóstolo, no Centro de Blumenau. O evento teve como objetivo difundir informações e conscientizar a população sobre a importância da prevenção do diabetes mellitus.

Na ocasião, profissionais do Núcleo de Atenção em Diabetes (NAD) realizaram 368 testes de glicemia, que mede a quantidade de açúcar no sangue e ajuda a diagnosticar a doença. Destes, 38 apresentaram alterações. Houve ainda orientações relativas ao diabetes.

De acordo com a secretária de Promoção da Saúde, Maria Regina Soar, as pessoas que tiveram os resultados alterados serão encaminhadas para as unidades de saúde. “O diabetes é uma doença silenciosa, muitas pessoas não sabem que possuem e isso é perigoso. As ações organizadas nos últimos dias serviram justamente para acender esse alerta e incentivar a prevenção. Os pacientes que apresentaram alterações devem ir até a unidade básica de referência para receber atendimento e realizar exames laboratoriais”, explica.

Diabetes Mellitus
O Diabetes Mellitus é uma doença caracterizada pela elevação da glicose no sangue (hiperglicemia) e pode acontecer devido a problemas na secreção ou na ação do hormônio insulina, produzido no pâncreas. Atualmente, segundo estimativas, 387 milhões de pessoas em todo o mundo possuem diabetes. No Brasil, o número de pessoas diagnosticadas com diabetes cresceu 61,8% nos últimos 10 anos, passando de 5,5% da população em 2006 para 8,9% em 2016. Os dados são de pesquisa realizada pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde.

Em Blumenau, estima-se que 15% dos adultos tenham diabetes mellitus, taxa que pode chegar perto dos 22% na população com idade superior a 65 anos. O NAD, serviço de referência situado no prédio do Ambulatório Geral do Centro, oferece atendimento especializado para pessoas que convivem com a doença. Em 2017, mais de três mil atendimentos foram realizados pela unidade. Em Blumenau, cerca de 3,2 mil pacientes atendidos pelo SUS são usuários de insulina.

 

Assessor de comunicação: Felipe Elias



postada em 14/11/2017 17:29 - 192 visualizações



Fotos
  • Foto: Eraldo Schnaider
  • Foto: Eraldo Schnaider
  • Foto: Eraldo Schnaider
  • Foto: Eraldo Schnaider