Google+

Bairro Salto Weissbach

Está localizado na margem direita do rio Itajaí-Açú, onde desemboca o ribeirão Branco = Weissbach (palavra de origem alemã). Era uma região rural percorrida pela Estrada Geral, que ligava o município de Indaial, Alto Vale e Oeste do Estado. Essa estrada já constava no mapa da Colônia em 1864, sendo nominada de rua Bahia, em 29 de maio de 1926. A Estrada de Ferro Santa Catarina, que fazia ligação como o Alto Vale e Ibirama, possuía uma Estação de Passageiros e cargas neste bairro.

As leis que ampliaram o Perímetro Urbano conservaram a antiga denominação de Salto Weissbach. A Sociedade Germânia fez uma excursão ao Morro dos Coqueiros, no Salto Weissbach em 1868, onde enterrou uma garrafa com mensagens para ser desenterrada no ano de 1950.

No ano de 1872, Luis Altenburg comprou um lote e construiu um engenho de açúcar, um de farinha de mandioca e um alambique, sendo que após algum tempo vendeu.

No ano de 1883, no bairro Salto Weissbach, existia uma igreja e uma escola onde August Müller, irmão de Fritz Muller, era professor. Por volta deste mesmo ano, Luís Abry se estabelece com uma casa comercial, tendo como sócio Teodoro Lüders.

No dia 3 de maio de 1910 é inaugurado o primeiro trecho da Estrada de Ferro, ligando Blumenau a Indaial (antiga Warnow). A ligação com o bairro da Velha era feita por uma Estrada Geral que foi denominada rua General Osório, em 1953.

Até meados de 1970, o bairro Salto Weissbach apresentava características predominantemente Rural. A partir desta década, com a destinação de áreas para a implantação de indústrias como a Waltec, Móveis Ideal, Cremer S/A, Pacífico Sul, Metalúrgica helbra e outras, alterou substancialmente as características do bairro. 

 

Links Relacionados
Perfil Completo do Salto Weissbach
Mapa do Salto Weissbach