Google+

Bairro do Salto

Na administração de Frederico Guilherme Busch Junior foi criado o bairro do Salto através da Lei nº 717 de 28 de abril de 1956.

Neste local o Rio Itajaí-Açu forma um salto de aproximadamente 8 metros de altura que deu a origem à denominação do bairro.

Pedro Christiano Feddersen, em 1905, iniciou a construção da Usina Salto, com capacidade de gerar 9.000 C. V., entrando em funcionamento, em 1 de maio de 1915. Daí originou-se a Empresa de Força e Luz de Santa Catarina, cujas linhas se estenderam para Itajaí, Brusque e Indaial. em 1965 foi substituída pela CELESC - Centrais Elétricas de Santa Catarina.

Na Ponte Lauro Müller, sobre o rio Itajaí-Açu, foi iniciada, foi iniciada a construção dos pilares, em 1896 e 1898 pelo construtor José Bonna; em 1912 foi colocada a estrutura de ferro, feita na Alemanha. A inauguração aconteceu em 26 de junho de 1913. Media 175,5 metros de vão, 6 metros de largura e 18 metros de altura. A ponte ruiu em 5 de janeiro de 1982, num vão de 30 metros. Foi toda recosntruída, conservando suas características principais, com 6 metros de largura para pista e mais 0,60 metros para passagem de pedestres e tubulações, apta para suportar 24 toneladas.

Entre 1926 e 1930 e deputado Hermmann Weege reconstruiu a estrada que partia da ponte até o morro do Serro. Em 1996,  na administração de Renato de Mello Vianna, foi aberta uma via cortando o morro ao meio, eliminando a curva acentuada que existia em frente a ponte, no bairro Salto do Norte.

Em 1923 o bairro recebe a primeira linha telefônica.

A rua Bahia recebe seu nome oficial em 29 de maio de 1926, pela Lei nº 206, que era conhecida por Estrada Geral, sendo que por ela era feito todo o transporte com o Médio e Alto Vale do Itajaí.

Outra ligação de transporte com o alto Vale era realizada pela Estrada de Ferro, que seguia acompanhando a margem direita do rio Itajaí-Açú, até ser desativada após 1964.

A rua Coronel Feddersen foi criada em 9 de agosto de 1948 e a rua Fritz Müller, em 28 de agosto de 1952.

A estação de tratamento de água do SAMAE, ETA II, foi construída em 1966, projetada para atender a demanda até o ano de 2000. O crescimento vertiginoso da cidade obrigou  o SAMAE a construir a ETA III, no bairro Progresso, aproveitando o manancial do ribeirão Garcia, sendo inaugurada no ano de 1996.

A igreja da Cruz, Luterana, teve sua pedra fundamental lançada em 29 de julho de 1928.

Perfil Completo do Badenfurt
Mapa do Salto